,

Projeto Quero Almas retoma a construção do Centro Social Quero Almas no sertão da Bahia, saiba como ajudar.

O Projeto Quero Almas desde o ano de 2015 se instalou no campo missionário de Quijingue-BA, onde já construiu um templo para os moradores da Vila Manancial, bem como realizou dois natais missionários, uma Cruzada Quero Almas, o Congresso Quero Almas Teens, a reabertura de um templo que a mais de 10 anos estava fechado, dentre várias outras ações sociais que demonstraram o amor ao próximo.

Diversas almas foram salvas para Cristo e estão sendo discipuladas, conhecendo o verdadeiro sentido do Evangelho.

O cantor Samuel Mariano, idealizador do Projeto Quero Almas juntamente com diversos mantenedores e pessoas que apoiam o Projeto em 2016 começaram as obras de um Centro Social e um Centro de Treinamento Missionário que tem como objetivo atender a população carente com médicos, dentistas, aulas de reforço escolar, além de cursos de missões, ensinando os jovens na prática a importância de Missões.

A obra estava parada a algum tempo, porém na última semana de setembro, o cantor esteve em Quijingue e fez uma campanha nas redes sociais e o povo abraçou e assim a Associação Quero Almas pode retomar a construção dos Centros. Samuel divulgou em sua rede social o real estado da obra e conta com a ajuda de todos vocês.

Seja você também um voluntário do Projeto Quero Almas ligue agora mesmo para a Central do Projeto Quero Almas através do número:081 3675-1921 ou mande um e-mail para: contato@queroalmas.com.br / facebook.com/projetoqueroalmas.

Ajude os projetos desenvolvidos pelo QUERO ALMAS, depositando agora mesmo qualquer valor em uma das contas abaixo:

Associação Quero Almas
CNPJ: 23.744.381/0001-19
———————————————————————
Banco 104
Caixa Econômica Federal
Agencia: 2124
Operação: 013
Conta Poupança: 44860-7
———————————————————————
Banco 237
Bradesco
Agencia 2116-4
Conta corrente 20896-5
———————————————————————
Banco 001
Banco do Brasil
Agencia 0710-2
Conta corrente 31709-8
_______________________________________________________________________________

Comentários

comentarios